Bom Jesus de Braga

Domus Municipalis SÉC. XVI

VISITA VIRTUAL 360º


Este edifício de planta octogonal é considerado um raro exemplar da arquitectura românica civil. Embora muito se tenha escrito sobre a sua finalidade, não existe um consenso entre os estudiosos. O piso subterrâneo do edifício com abóbada em berço servira de cisterna de água e o piso térreo é uma galeria com varias aberturas de janelas arqueadas. A condução da água para a cisterna faz-se primeiramente pelas cornijas que aparam a água do exterior e as conduzem pelos canais abertos nas paredes até ao andar subterrâneo. Dentro e fora do edifício existem modilhões decorados com motivos geométricos, zoomórficos e antropomórficos. Existe ainda uma bancada a toda a volta que levanta várias hipóteses quanto à funcionalidade desta galeria. Uns autores salientam o facto de esta existir para que as mulheres poisassem aí os cântaros para buscar a água, outros autores dizem ter sido um lugar onde se realizavam reuniões plenárias uma vez ser normal se fazerem conselhos durante a idade média e regularmente junto das Igrejas, como é neste caso, que tem ligação à própria Igreja


My Image
My Image